30/10/2017

Marcas do bullying vão de baixa autoestima a tentativa de suicídio

  Lívia, 12, e sua mãe, Maria Clara (nomes fictícios) em BH;
menina desenvolveu grave depressão
(Alexandre Rezende/Folhapress)
A fobia escolar de Lívia, de 12 anos, chegou ao ponto de a menina não conseguir segurar um lápis. O uniforme, os livros, o caderno, tudo a fazia passar mal. Suava, entrava em pânico, dizia que era melhor morrer. Ameaçou se jogar da janela e pular de um carro em movimento.

A menina foi alvo de bullying em vários momentos da vida, até desenvolver uma grave depressão no ano passado, conta a mãe, a pedagoga Maria Clara, 51 –os nomes foram trocados para preservar a identidade das duas.

Após os pensamentos suicidas, a menina foi afastada da escola por recomendação médica e perdeu os anos letivos de 2016 e 2017.

11/10/2017

Engenheiro Agrônomo da Aehda recebe Prêmio Armando Le Voci


Mauro recebe a premiação, ao lado da esposa Sônia
por indicação do cientista Sizuo Matsuoka
O Engenheiro Agrônomo e Gerente do Centro Ambiental Aehda José Mauro Oliveira Araújo foi homenageado na última segunda-feira, (9/10), com o Prêmio Anual "Armando Le Voci", outorgado pelo Rotary Club de Araras e que reconhece os profissionais da área que deram grande contribuição técnica, produtiva ou científica nas ciências agrárias ou melhorias do meio ambiente em sua região de atuação.

A indicação partiu do Veterano Rotariano Sizuo Matsuoka, que é um dos mais importantes pesquisadores das tecnologias de desenvolvimento das áreas canavieiras e seus derivados. (saiba mais). O Prêmio, que além da indicação, tem um júri de avaliação, foi instituído com o nome de "Armando Le Voci" pela sua importância no setor agrícola na cidade de Araras, como agrônomo,  e o seu engajamento social no Rotary Club de Araras, que dentre muitas realizações, também compôs o time de fundadores da Guarda-Mirim de Araras, de 1966 (atual Aehda).

A Diretoria, Conselheiros e Equipe Técnica da Aehda parabeniza seu profissional por mais um justo reconhecimento.

Abaixo, um currículo do Engenheiro Agrônomo Mauro Araújo

05/10/2017

Aehda mantém Certificado ISO 9001

O Sistema de Gestão da Qualidade da Aehda, baseado nas normas NBR ISO 9001 v 2008, foi mais uma vez auditado nos dias 4 e 5/10,  por uma das mais importantes entidades certificadoras, a BVC (Bureau Veritas Certification). O resultado final foi a recomendação para a recertificação, que ocorre de três e três anos, após auditorias internas e externas de manutenção.

 A Aehda obteve o certificado pela primeira vez em 2005 e é uma das poucas entidades do setor a considerar o desafio de implantação e manutenção da ISO 9001, por reconhecer a sua importância para organização dos processos, metas e métricas internas que refletem diretamente na busca contínua de excelência para os serviços prestados aos clientes que contratam os estagiários e aprendizes treinados pela entidade.

03/10/2017

Cartão de confirmação do Enem estará disponível no dia 20 de outubro

O cartão de confirmação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano estará disponível na página eletrônica do exame a partir do dia 20 de outubro. O cartão informa o local onde cada estudante fará as provas, além do número de inscrição e dos horários das provas.

Para ter acesso ao cartão de confirmação, o aluno deve informar seu CPF e a senha cadastrada no momento da inscrição. No cartão, informa-se também se o estudante pediu atendimento especializado e ou específico e qual a opção de língua estrangeira – inglês ou espanhol.

Confira quais são os temas que podem ser abordados na redação do Enem

Para quem vai fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), a preparação para a redação é fundamental. Isso porque essa prova vale 1000 pontos, enquanto nas outras áreas de conhecimento, o valor varia por conta da Teoria de Resposta ao Ítem (TRI), método que dá pesos diferentes para as questões de acordo com o número de erros e acertos.

A exemplo dos últimos anos, a redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano deve continuar tratando de temas sociais. “A gente especula que a prova continue tratando de algum tema de grande abrangência e polêmica social, como tem sido nos últimos anos”, avalia o professor de sociologia e filosofia de uma escola particular do Rio de Janeiro Leandro Vieira, que também dá aula de atualidades para alunos que se preparam para a prova.

02/10/2017

Plataforma oferece Curso Digital gratuito para Educadores

A plataforma Educação e Participação, especializada em temas e conteúdos de educação pública, provida pela Fundação Itaú Social, está disponibilizando o Curso Comunicação Digital para Educadores. Com vagas limitadas, as inscrições podem ser feitas no portal até 9 de outubro de 2017.

Dentre os objetivos do curso, os principais são: 1) Promover a reflexão sobre a comunicação digital em processos educativos, a partir da apresentação de conceitos teóricos relacionados às mudanças sociais recentes que afetam a educação, enfatizando a possibilidade de empoderamento e participação democrática dos envolvidos. 2) Conhecer aspectos da comunicação e da cultura digital, vivenciando a expressão por meio da fotografia, do áudio e do vídeo e 3) Refletir sobre as possibilidades de combinar diferentes linguagens e usar georreferenciamento em projetos educativos e mapeamento do território.

O endereço para inscrições é: www.educacaoeparticipacao.org.br


Nutricionista dá dicas para aprendizes

Convidada é especializada em Nutrição e Saúde Pública
Na última Quinta-feira (28/9), a Aehda contou com a colaboração voluntária da nutricionista Paola Damaris Perino para uma palestra elucidativa sobre Higienização e Contaminação de Alimentos. A maior parte do público é formada por aprendizes que desenvolvem seu aprendizado prático em empresas que prestam serviços na área de alimentação.

Além de abranger o assunto com informações atuais sobre métodos de prevenção, riscos de acidentes de contaminação por descuidos básicos, também desenvolveu dinâmica de grupo  para que os jovens interagissem e fixassem o conteúdo.

Sobre a Palestrante

Paola possui graduação em Nutrição pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC-Campinas). Atualmente, é Nutricionista aprimoranda do Centro de Saúde Escola Geraldo de Paula Souza da Faculdade de Saúde Pública, atuando no Centro de Referência para a Prevenção e Controle de Doenças Associadas à Nutrição (CRNutri). Participou como Bolsista de Iniciação Tecnológica e Industrial do CNPq no Projeto Rede de Municípios Promotores da Segurança Alimentar e Nutricional Sustentável (Rede-SANS). Tem experiência na área de Nutrição e Saúde Pública, atuando principalmente na atenção básica de saúde.

Momento de dinâmica de grupo


Aehda faz abordagem para jovens da Etec Alberto Feres

Na última terça-feira (26/9), as educadoras sociais da Aehda Adriana Pellegrino e Elaine Reis desenvolveram, a convite da diretoria pedagógica do Centro Paula Souza Etec Prefeito Alberto Feres, uma abordagem sobre Marketing Pessoal e Entrevista de Emprego, sintonizando jovens que estão concluindo o terceiro ano do Ensino Técnico.

As educadoras abordaram referencial teórico sobre o tema, dispuseram de dados recentes do mercado de trabalho e deram dicas práticas de comportamento individual, profissional, redação de currículos, ética e preparo esperado dos candidatos em uma entrevista de emprego.

O Centro Paula Souza Etec Alberto Feres, que possui aproximadamente 700 alunos,  tem procurado sintonizá-los com os desafios do mercado de trabalho desde o primeiro ano do Ensino Médio, promovendo visitações a empresas, feiras profissionalizantes, debates, palestras e também se aproveitando da experiência de profissionais e educadores que atuam com jovens na preparação para o mundo do trabalho.

Jovens aprendizes desenvolvem ação voluntária com moradores de rua

Os jovens aprendizes da Aehda, da 17ª turma (2017), debateram questões de cidadania nas oficinas e decidiram desenvolver uma ação solidária junto aos moradores de ruas da cidade. Com apoio dos educadores sociais e de empresas da cidade, decidiram por visitar os moradores no Centro POP de Araras, que acolhe esse público conforme política municipal de assistência social.

No escopo da ação, os jovens distribuíram brindes aos moradores, com apoio de empresa local, além de dialogar e entender na prática muitas das questões que antes haviam sido debatidas.

A Aehda insere em seu conteúdo de formação diversos temas transversais que possibilitam que os jovens possam desenvolver uma cidadania plena e um olhar mais sensível e solidário para com as questões sociais que estão presentes na vida de todos.

O Centro Pop (Centro de Referência Especializado para Pessoas em Situação de Rua) Narciso Gomes localiza-se à Rua Visconde do Rio Branco, 675, Centro.  (veja uma matéria do portal G1 - clique aqui!)

Assista ao vídeo que documentou a ação, desenvolvido pelos próprios jovens.